terça-feira, 13 de outubro de 2009

Zelaya na Embaixada Brasileira

Presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, dorme em cama improvisada dentro da embaixada brasileira, em 22 de setembro; ele havia chegado na véspera escondido a Honduras, depois de ter sido deposto e expulso do país por militares em um golpe de Estado em 28 de junho


Partidário de Manuel Zelaya toma banho em 7 de outubro em um pátio da embaixada brasileira em Tegucigalpa, onde Zelaya e dezenas de militantes se amontoavam havia mais de duas semanas


Manuel Zelaya lê notícias em um terminal da France Presse instalado na Embaixada do Brasil em Tegucigalpa na segunda-feira, 12 de outubro; neste dia, completaram-se três semanas desde a chegada do líder deposto à embaixada brasileira, no dia 21 de setembro.

Até quando o Zelaya vai ficar na embaixada brasileira? Acho que ele está gostando de ficar lá. Vejo que a vida está muito boa na Embaixada, e que ele vai ficar ainda um bom tempo passando uma temporada na casa oficial do Brasil em Honduras. Olhando bem pelo tempo que ele está encostado a custa do Brasil, ele está transformando a embaixada brasileira em sua residência oficial porque com certeza não vai se entregar para ser preso.
Férias e quem paga a conta?

Um comentário:

Claudia disse...

Já está passando da hora de colocar o Zelaya pra correr... Só o Brasil pra aguentar tanta morosidade e palhaçada junto...
Viva este presidente de merda... L..A