terça-feira, 10 de novembro de 2009

Brasil refém de um Apagão

Eram aproximadamente 22:00 quando as luzes e computadores da Faculdade se apagaram. Mas em segundos voltou ao normal. Ás 23:20 vendo a chamada do noticiário, percebi o estrago, vários Estados brasileiros sofrem com o Apagão. Vendo São Paulo às escuras e outras cidades também na mesma situação. Curioso, os técnicos da Itaipu não conseguiram identificar o problema e ainda colocaram que o problemas pode ser descarga eletricas e ventanias em Santa Catarina e para piorar a situação, parece, segundo o noticiário, o sistema "backup" de emergência que usa termoelétricas para suprir a falta de energia também não funcionou.

Noticia do Gazeta do Povo:
Um apagão atinge as regiões Sudeste e Centro-Oeste do País na noite desta terça-feira (10). Por volta das 22h15, o fornecimento de energia elétrica foi interrompido em vários estados - São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás -, além do Distrito Federal. O diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Nelson Hubner, informou ao GLOBO que o apagão foi provocado pelo desligamento total da usina hidrelétrica de Itaipu. Segundo ele, ainda agora o Operador Nacional do Sistema Elétrica (ONS) está tentando religar a usina e as linhas de transmissão que abastecem os estados. Itaipu, neste momento, continua desligada. "Itaipu desligou toda, tanto no lado brasileiro quanto no paraguaio. A preocupação do ONS agora é religar o sistema, mas o que sabemos é que ainda chove muito na região", afirmou Hubner. Em Itaipu, todas as 20 unidades geradoras de energia estão paradas. Os técnicos estão tentando apurar as causas que teriam provacado a paralisação. Especula-se que as torres das linhas de transmissão tenham caído. Segundo a assessoria de imprensa, se realmente for constatado que tenha ocorrido a queda das torres, a volta ao funcionamento das unidades geradoras de energia vai demorar. Outra hipótese é que tenha ocorrido uma decarga elétrica na substação de Furnas. O Presidente da Cedae Wagner Victer comunicou que o apagão possivelmente atingiu a rede interligada sudeste/centro-oeste, afetando as indústrias e paralisando as estações de água do Guandu e Laranjal. Victer faz um apelo para que a população economize água.
Pelo tamanho dos estragos, esperamos notícias melhores rapidamente, porque viver as escuras não dá mais. Pensando bem... Humm, isso não é nada bom, 2014, 2016 vem ai.

Um comentário:

Dora Regina disse...

Jake, aqui no Rio de Janeiro ficamos sem energia de 22h15 até as 2h40, fiquei sem comunicação, até minha linha telefônica ficou muda, o abastacimento de água foi interropido e até nesse momento ainda não foi normalizado, caos total!
Um grande abraço e tenha um bom dia!